segunda-feira, 3 de maio de 2010

Santos, campeão paulista de 2010

Numa das finais estaduais mais equilibradas dos últimos tempos, Santos e Santo André decidiram ontem o Paulistão deste ano. 
No primeiro jogo da decisão, vitória santista por 3 a 2, obrigando o Ramalhão a ganhar por dois ou mais gols de diferença, já que a campanha do mesmo era inferior ao Santos.

O Pacaembu estava armado para um clima de festa. Casa cheia, a molecada santista esbanjando sorrisos e confiança para o título paulista.
Tanta confiança que, logo aos 30 segundos de jogo, Cicinho recebeu belo passe nas costas da defesa, driblou o goleiro Felipe e tocou para Nunes que só precisou empurrar pro fundo do gol e abrir o placar.

Na comemoração, o atacante ainda abriu os braços e fez uma cara irônica para a torcida santista. Realmente, não ia ser um jogo fácil e os Meninos da Vila precisavam acordar em campo.
E a resposta veio aos 7 minutos, quando Marquinhos achou Robinho livre na ponta-esquerda da área e, num toque de letra do atacante, achou Neymar na área. O garoto roi rápido, driblou o goleiro e empatou o jogo no Pacaembu.

Mas o Santo André continuava impulsivo, precisando vencer nas condições já citadas do melhor time do campeonato, fato que ainda não aconteceu nessa temporada. E foram envolvendo a defesa santista com Rodriguinho e Nunes. 
O goleiro Felipe passava apuros; uma bola na trave em sua meta e um gol mal anulado do Santo André pela arbitragem aumentaram o nervosismo da partida. 

Aos 20 minutos, Bruno César bateu escanteio na cabeça do volante Alê,  que fez o segundo gol e recolou os visitantes na frente do placar.
Pouco depois, uma confusão causou duas expulsões: Nunes e Léo discutiram e levaram o cartão vermelho, prejudicando suas equipes.

E do pé de outro queridinho da torcida do Santos (e por que não, da torcida nacional?), Paulo Henrique Ganso, a equipe alvinegra empatou aos 31 minutos. Num lindo passe de letra, o meia deixou Neymar livre para marcar o seu segundo gol na partida.

O Santos ainda teve mais duas baixas nos minutos finais do primeiro tempo; perdeu o meia Marquinhos, expulso após uma falta violenta, e viu Branquinho fazer 3 a 2 para o time do ABC.
Ainda bem que o veio o intervalo logo depois...

Começou o segundo tempo, no mesmo ritmo frenético da etapa anterior. 
E logo de cara, Rodriguinho quase repetiu o primeiro gol, driblando o goleiro e chutando. Mas viu o volante Arouca salvar em cima da linha e vibrar muito com o feito.
Faltando pouco tempo, o Santos priorizou muito mais a defesa e tentou segurar o resultado, enquanto o Santo André seguia pressionando e mostrando uma impressionante vontade de vencer.

Roberto Brum entrou no lugar de Neymar e minutos depois foi expulso de campo, por matar um contra-ataque do Santo André. 
E quando Paulo Henrique percebeu que seria 'sacrificado' para a entrada de mais um zagueiro, teve uma atitude louvável e recusou-se a sair de campo.
Então quem saiu foi o atacante André (que nem bem entrou em campo).

Em cada torcedor santista se via o drama, a angústia e a expectativa pelo apito final do juiz. E isso ficou mais evidente ainda quando o atacante Rodriguinho desviu um cruzamento e acertou a trave direita de Felipe, aos 44 minutos.

Cinco minutos depois, fim de jogo! Festa, alegria e muita emoção com a conquista santista no estadual.

Uma conquista que finalmente coroa o futebol bonito e muito bem jogado por Neymar,  Paulo Henrique, Robinho, André & cia como o melhor do Brasil, no momento.
Que aumenta ainda mais a pressão para que os dois primeiros sigam para a Copa do Mundo.
E que resgata o passado brilhante da equipe, quando craques como Pelé, Coutinho e Pita ainda jogavam no Santos.

Meus Parabéns ao Santo André, por todo o seu esforço no campeonato e nos dois jogos da final. 

Mas principalmente, PARABÉNS ao Santos, Campeão Paulista de 2010!


Reinaldo Vieira

1 comentários:

Thaís disse...

oi estou passando para agradecer a visita no meu blog baixa gratis do cd e dvd do mj legal seu blog mas iria ser melhor ainda se colocasse coisas do melhor time do mundo o GRÊMIO hehehhehehehe...

to brincandu bem legal.
beijos

30 de janeiro de 2011 20:51